Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Saltos de Cristal

Saltos de Cristal

Botins ou botas de cano alto?

Escolher o calçado perfeito para cada situação é muito importante. No inverno, nada melhor do que um par de botas para deixar os pés quentes e elegantes.

E eis que surge a seguinte questão: Botins ou botas de cano alto? Qual é o modelo ideal para cada tipo de pessoa? O blogue Saltos de Cristal dá-lhe a resposta!

Botins

As mulheres mais baixas devem optar por botins porque alongam a figura e asseguram alguns centímetros extra. Se a perna for magra na zona dos gémeos e no tornozelo, prefira um modelo mais justo nestas zonas.

No entanto, se tiver um corpo curvilíneo, a opção ideal é utilizar botins que tenham uma biqueira mais pontiaguda.

Outro fator a ter em conta, caso queira tornar as pernas mais longos, é usar collants opacos da mesma cor que o botins. Trata-se de um truque excelente para tornar a figura mais esguia

Quanto ao vestuário que combina com os botins, destaco as skinny jeans, as leggins e as maxi skirts. Só são aceitáveis vestidos/saias que tiverem comprimento acima do joelho.Tenha atenção à altura do cano do botin. Estes devem ser acima ou pelo tornozelo. Por exemplo, quanto mais curto o vestido, mais alto pode ser o cano do botin.

Fonte das Imagens: seaside.pt

Botas de cano alto

Este género de botas são indicadas para mulheres altas e de pernas finas, mas as mulheres com outras estruturas também podem usá-las. O truque é optar por vestidos de comprimento que vão quase à altura do cano da bota, deixando apenas um breve espaço de pele a mostra.

As mulheres mais baixas ou com pernas mais grossas, devem escolher  modelos com comprimento até ao joelho, de forma a evitar o 'corte' no comprimento das pernas.

Para conseguir um look sofisticado, deve combinar este tipo de calçado com roupas mais clássicas e optar por cores naturais e sóbrias.

Skinny jeans, leggings, saias, shorts e vestidos combinam perfeitamente com as botas de cano alto. Os vestidos e as saias podem ser curtos, mas sem cair na vulgaridade. Estas peças de vestuário devem ser ligeriramente mais folgadas do que o habitual para transmitir um visual descontraído.


Fonte das Imagens: seaside.pt