Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Saltos de Cristal

Saltos de Cristal

Comida do Médio Oriente é tendência para 2018

20180208_122539.jpg

 

Os sabores do Médio Oriente são uma das grandes tendências da alimentação para 2018. A rede gigante de supermercados norte-americana Whole Foods, que comercializa produtos naturais, orgânicos e sem conservantes, revelou recentemente o que há de novo nos hábitos alimentares dos consumidores e o húmus, a pita e o falafel encontram-se no topo da lista dos mais procurados, receitas que, há 28 anos, podemos encontrar na cadeia de restauração portuguesa Joshua’s Shoarma.

 

Também a consultora Mintel, no estudo publicado “Global Food & Drink Trends 2018”, onde identifica as tendências que terão impacto considerável entre os consumidores, indica  que há uma procura cada vez maior por dietas flexíveis e equilibradas que se enquadrem nas rotinas  para cuidar da saúde, daí que se prespetive o aumento do consumo de alimentos e bebidas que proporcionem benefícios nutricionais, físicos ou emocionais. 

 

Com 34 lojas espalhadas pelos principais centros comerciais do país, a Joshuas Shoarma apostou, desde o início, nos alimentos saudáveis e ricos em sabor. Para tal, combina mais de duas dezenas de ervas aromáticas, que fazem bem à saúde, em detrimento do uso do sal. Além disso, os produtos utilizados são sempre frescos e de elevada qualidade, as carnes são grelhadas e não são utilizados quaisquer intensificadores de sabor.

 

A cozinha de fusão mediterrânica é a base do conceito que serve de inspiração às receitas disponíveis no pão pita, o tal pão envelope menos calórico que o pão ‘normal’ e que agora ganha protagonismo, no pão wrap e no prato, podendo ser combinadas com salada, arroz ou batata frita. A ideia é ter uma oferta diversificada que possa agradar a todos e ter pratos vegetarianos, vegan, sem glúten e sem lactose.

 

O húmus e o falafel estão no topo de quem dispensa a carne, mas não dispensa todos os nutrientes de que o corpo necessita. O húmus é uma pasta de grão com sementes de sésamo, que acompanha bem qualquer prato. É uma excelente fonte de proteínas, fibras, vitaminas e cálcio. O grão é também o ingrediente base do falafel, pequenas bolas crocantes, temperadas com ervas aromáticas. É mais uma opção vegan e sem lactose.

 

A tendência deste ano aponta também para a tahina ou tahini, um creme de sementes de sésamo, temperado com alho e limão. Repleto de nutrientes, rico em proteínas, vitaminas e cálcio, é mesmo considerado um super alimento. Entre outros benefícios, a tahina previne a anemia, ajuda a manter a pele saudável e, dado o seu teor mineral alcalino, ajuda na perda de peso, uma vez que o corpo digere facilmente este alimento.

 

Todos estes petiscos podem ser consumidos na Joshua’s individualmente ou incluídos em menus, como a pita falafel, a salada mediterrânica, o mix vegetariano ou o veggie special.