Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Saltos de Cristal

Saltos de Cristal

IBIS: Viajar Para Fora Cá Dentro #5












Numa breve passagem por Setúbal, fiquei instalada no Ibis, aminha unidade hoteleira de eleição. Porquê, perguntam vocês? Porque os preços são bastantes apelativos – entre os 39 a 49 euros para duas pessoas – e os quartos (diga-seas camas) extremamente confortáveis. Para além disso, as instalações amplas e modernas, alocalização central e os pequenos-almoços gourmet são vantagens ques poucos hoteis conseguem superar. Sim, oscroissants do Ibis de Setúbal são qualquer coisa de divinal. Sou fãnúmero um!

E porquê Setúbal? Porquê esta vila de pescadores é uma pequena maravilha a poucos quilometros de Lisboa. Para além de de possuir praias paradisiacas como é o caso da Figueirinha, tem ainda um centro com imensos espaços a visitar. Recomendo que dediquem uns minutos a apreciar o cenário da arriba do Castelo de Sāo Felipe pois consegue-se capturar toda a sua dimensão ambiental.

Como se se tudo isto não fossem motivos mais do que suficientes para visitar Setúbal, existe ainda o facto da gastronomia local ser espectacular. O peixe sempre frescinho, o choco frito sempre crocante, entre muitas outras iguarias (agora também já existe uma hamburgueria gourmet mesmo no centro da vila).

E para quem ainda não sabe, agora a localidade tem um novo centro comercial, o Alegro setubal, que apresenta  inúmeras facilidades, entre as quais, ginásio, cinema, supermercado, zona de restauração e lojas para todos os gostos. Posto isto, Setúbal é para mim o local perfeito para uma "escapadinha" de fim-de-semana. 

IBIS: Viajar Para Fora Cá Dentro #3







Após uma longa semana de muito calor, rumei até Setubal para um fantástico fim-de-semana a dois. A escolha do hotel recaiu no Ibis - que eu já conhecia - por ter instalações de excelência, ser próximo da praia e acima de tudo, por ter preços bastantes apelativos. Por 39 euros por noite mais 6 euros por pequeno-almoço tive direito a dois dias de puro descanso. Conforto que só consegui alcançar por o quarto estar equipado com uma cama de casal grande, secretária, internet, pavimento flutuante, TV LCD com os melhores canais e casa de banho com banheira. Melhor impossivel!
E como se isto tudo não fosse já bom o suficiente, consegui ainda desfrutar da piscina do hotel e deliciar-me com o tão desejado dolce fare niente. E a cereja no topo do bolo foi mesmo a surpresa do último dia. Fiz uma visita relâmpado até à Figueirinha, a minha praia de eleição desde criança, que fica inserida no Parque Natural da Arrábida. O mar calmo e a beleza da paisagem envolvente fazem com que esta praia seja uma das mais conhecidas da região e, por isso, muito concorrida. Mas neste “verão tardio” encontrei este pequeno paraiso praticamente deserto usufruindo das suas maravilhas em paz e sossego.